Há 14 anos o programa Bolsa Família vem atendo aos mais

No dia 20 de outubro, o programa Bolsa Família completou 14 anos com diversos aprimoramentos da gestão e melhoria para os beneficiados em uma nova etapa do programa.

Neste ano, a fila de espera foi zerada 5 vezes devido ao cruzamento de informações com a base de dados do governo federal realizado pelo Ministério do Desenvolvimento Social. Só este ano mais de 4 milhões de famílias foram excluídas do programa dado lugar a outras mais necessitadas.

O programa é uma solução de emergência para que não falte comida na mesa dos mais pobres enquanto não conseguem um emprego. O Ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra, ressalta que esse é um programa que ele preserva e aperfeiçoa. “O objetivo é que nenhuma família tenha como plano de vida ou projeto para os seus filhos viver somente dele”.

Em 2016 o valor que as famílias receberam teve um reajuste de 12,5%, o que não ocorria a dois anos, para o equilíbrio do déficit da inflação. O Bolsa Família atende atualmente cerca de 13 milhões de famílias e o valor pago aos beneficiários chega a R$ 2 milhões por mês.

As condições do programa envolvem os beneficiados na educação e saúde. As famílias têm que manter a frequência escolar das crianças, a vacinação em dia, e as menores de 7 anos devem ser levadas aos postos de saúde para que sejam pesadas e medidas, e terem o crescimento acompanhado. Foram 5 milhões de crianças acompanhadas de janeiro a julho deste ano, e desse total, 99% estavam com as vacinas em dia.

Na questão da educação 13,3 milhões de crianças e adolescentes beneficiários do programa foram acompanhadas na frequência escolar e desse total 96% cumpriram a assiduidade escolar, sendo 85% para alunos até 15 anos e 75% para os que têm até 17 anos de idade.

O ministro destaca que o governo vem fazendo grandes esforços para colaborar com essas famílias na superação da pobreza e destaca também que dentro desses 14 anos o Bolsa Família traz diversos programas que ajudam na melhoria da vida dos beneficiados que querem ter uma vida mais próspera e melhor.